04/07/2009

Mamonas, O Doc precede filme que será lançado em 2010



Quem não cantou "Mina, seus cabelo é da hora..." Os meninos de Guarulhos que alegraram o Brasil e tiveram uma carreira meteórica ganharam um documentário para relembrar a história da banda.

Carreira Meteórica

Toda a carreira dos Mamonas Assassinas durou só oito meses: do lançamento do único cd, em julho de 1995, ao acidente com o Learjet, em março de 1996. Parece pouco tempo. E foi. Quem acompanhou a trajetória da banda é capaz de jurar que ela existiu por mais de dois anos. Foi tanta escatologia, tantas gargalhadas provocadas por cinco rapazes vestidos de Chapolin e tantos hits executados nas rádios, que o tempo parece ter esticado para acomodar tamanha alegria. O documentário Mamonas Doc, dirigido por Cláudio Kahns, ajuda a entender o segredo: eles não paravam um segundo e provocavam-se como se estivessem no centro de uma guerra de mamonas.

O filme, de uma hora e meia, é quase todo costurado a partir de imagens captadas pelos próprios músicos nos bastidores de shows, turnês e gravações. Ali, as cenas funcionam não só como tributo e registro biográfico da banda, mas principalmente como um passaporte despretensioso que nos permite invadir sua privacidade e revisitar um maravilhoso momento em que a música popular brasileira nos ensinou a rir com irreverência e sagacidade.

O filme gerou o documentário

Na realidade o documentário surgiu a partir da seleção de material para um filme de ficção sobre a banda que será lançado em 2010.

“Os Mamonas Assassinas não eram uma banda artificial, fabricada. Quando percebi que a molecagem e a irreverência dos meninos eram verdadeiras, fiquei surpreso”, comenta o diretor, que passou três anos reunindo depoimentos de amigos e familiares dos músicos, além de imagens de arquivo, a pedido de uma cineasta. “Na hora de organizar o que tínhamos em mãos para começar a escrever o roteiro da ficção, decidimos aproveitar para montar um documentário.”

Mamonas, o Doc produzido pela Tatu Filmes, terá sua pré-estréia hoje as 17:00 hrs no ginásio Thomeozão em Guarulhos. Exatamente no mesmo local onde um dia os caras foram recusados de entrar, depois fizeram um show no auge da fama, episódio daquele famoso discurso do Dinho (Se nós fossemos fracos tinhamos desistido a 5 anos atraz...)

Abaixo trecho do documentário em matéria exibida no Fantástico:



Para ir ao lançamento do Doc, você só tem que ir a um dos postos de troca, doar um agasalho e retirar seu ingresso.

Segue abaixo os postos de troca:



Em Guarulhos:
- Shopping Bonsucesso
- Calçadão da rua D. Pedro
- Teatro Adamastor
- Teatro Padre Bento
- Faculdade Eniac


Pedágios da rádio 89FM:
- informados na programação da rádio.


Fontes: Fato! Que Fato? / Época SP / Cinema Clássico