05/05/2011

13 Prazeres Inconfessáveis: É ruim, mas é tão bom


Prazeres inconfessáveis (em inglês guilty pleasure) são aquelas coisas bem toscas, que nós gostamos mas que nos sentimos constrangidos em assumir publicamente. Abaixo, uma listinha de pequenos pecados culturais inconfessáveis. Músicas, filmes, programas, produtos. É tão ruim, mas é tão bom...

13 - Transformers: Nada mais idiota - nem mais divertido do que um carro que vira robô

12 - Fanta Uva: O doce enjoativo sabor da infância


11 - Dan Brown: A verdade está lá fora - dos livros

10 - Crocs: A feiura que os olhos veem os pés não sentem

9 - Big Brother: O circo Romano moderno. Pena que esqueceram o leão

8- Dirty Dancing: É o cúmulo do brega dos anos 80. Mas quem não relaxou e dançou?

7 - Journey: Para cantar no banheiro. Mas só se ele tiver isolamento acústico

6 - Video Cassetadas: Sucesso desde os tempos em que o Faustão era gordo

5 - Baywatch (SOS Malibu, no Brasil): Sal, sol e silicone

4 - Cats: Dança, música, gatos. Quem resiste?

3 - Susan Boyle: Feia, cafona - mas que gogó!

2 - Salgadinho de pacote: Dois grupos alimentares: isopor e gordura

1 - Turma do Chaves: Tão ruim que já virou clássico
A lista não é minha, saiu na revista Veja edição 2176 de 04 de agosto de 2010 (Televisão - Tentações da carne) mas como eu concordo com grande parte dos itens postei. :-)


*Postado em 08/08/2010 - atualizado em 05/05/2011