11/07/2013

Maria Rita documentário Canto Encanto Tanto

Em documentário exibido no Canal Bis da Multishow, Maria Rita fala sobre carreira, parceiros e cantar músicas de sua mãe Elis Regina.
Elis Regina e Maria Rita cantando

"Como pode a Maria Rita ser tão parecida com Elis Regina? Porque eu sou filha. Se tem alguém que vai cantar igual a minha mãe ou parecido com a minha mãe, vai ser eu e não esse monte de cantoras que querem cantar parecido com ela.

Não ouço músicas da minha mãe (Elis Regina) para tentar imitá-la como alguns dizem por ai. Ouço as músicas dela por saudade, por necessidade, porque eu preciso. São o único referencial que tenho dela. Mas tem dias que eu prefiro não ouvir. Perdi a minha mãe para sempre. É para sempre a perda. É para sempre a dor. É para sempre a saudade. É para sempre o buraco, a falta. É um buraco que não tem como ser preenchido. E manter o legado é uma obrigação."

Vídeo: Canto Encanto Tanto - Maria Rita no Canal Bis Multishow

O doc traz de forma poética como é a relação de Maria Rita com a música, que sempre esteve presente em casa. Filha de Elis Regina e César Camargo Mariano, seria impossível ela seguir outra carreira.

O doc conta também com depoimentos do seu irmão o produtor musical João Marcelo Bôscoli, Arlindo Cruz, Simoninha, Rodrigo Maranhão, Max de Castro e Sergio Afonso.

"Ela não é compositora mas é das cantoras mais autorais da Música Brasileira. Maria Rita é daquelas artistas que se dá por inteiro a cada interpretação. Tem assinatura! Com seu belo timbre, muita técnica e mais ainda emoção vai se aventurando por uma carreira que já nasceu sólida desde o seu primeiro disco. Em "Canto Encanto Tanto" vamos conhecer um pouco mais sobre como é a sua relação com a música, com o cantar, com os compositores e com sua família musical. Um documentário onde Maria Rita emociona cantando na sala de sua casa e em vários momentos da entrevista." Bruno Levinson, diretor do documentário

http://www.youtube.com/playlist?list=PLbwk2hvG5CEOxi9DK4Wzn5XbOR5cyChCz


Lindo, lindo este documentário. Confesso que minhas primeiras impressões da Maria Rita não foi das melhores. A voz dela eu sempre achei linda, mas não conseguia assistir a vídeos dela cantando. Ela se balançava demais, era exagerada nos trejeitos. Se tornava caricata. Mas depois de passada a adrenalina da estreia ela se achou e ganhou muito mais o meu respeito e admiração.

Vale muito apena ver os vídeos!